Projeto Conexões Éticas do Terceiro Setor

Project name :

Projeto Conexões Éticas do Terceiro Setor

Project duration :

04-10-2019
Key figure: 

O projeto Conexões Éticas do Terceiro Setor, coordenado pela Petrobras, em cooperação com a UNESCO, tem o objetivo de contribuir para a promoção, o desenvolvimento e o fortalecimento de capacidades da imensa rede de OSCs, que trabalham nas áreas social e ambiental no Brasil para construir um país melhor e mais justo para todos. O projeto está inserido no esforço para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030, e está em sintonia com a missão institucional da UNESCO de contribuir para o desenvolvimento da agenda de promoção da igualdade de oportunidades, da inclusão social, bem como da promoção de maior transparência e responsabilização (accountability) na utilização de recursos.

O projeto elaborou um material didático em parceria com a equipe da JS Brasil para oferecer aos diversos atores que compõem a rede de OSCs formações fundamentadas especialmente preparadas.  Os participantes dessas capacitações receberão também apoio técnico especializado para que sejam capazes de disseminar a cultura da integridade em suas relações cotidianas e contribuir para o avanço do país em aspectos fundamentais para a renovação da confiança e o aumento da credibilidade das instituições. 

A atual iniciativa dá continuidade à experiência bem-sucedida implementada pela UNESCO e pela Petrobras em 2011. Na ocasião, a UNESCO desenvolveu o projeto Empoderando Pessoas e Criando Capacidades nas Organizações da Sociedade Civil, no qual 242 OSCs tiveram a oportunidade de participar do curso presencial de capacitação criado especialmente pelo Instituto Fonte. Foram capacitados mais de 450 gestores atuantes na área da defesa dos direitos de crianças, adolescentes e jovens. Na ocasião, tais gestores puderam ampliar seus conhecimentos em temas relacionados a responsabilização (accountability), sustentabilidade institucional e financeira, eficiência na gestão administrativo-financeira, capacidade de inovação, produção de impactos sociais, metodologia e ferramentas de monitoramento e avaliação, comunicação, normativos legais, elaboração de projetos e prestação de contas, entre outros, fundamentais para qualificar o trabalho realizado por essas organizações no Brasil e impulsionar processos de mudança social. A avaliação e os resultados positivos do projeto demonstraram o acerto de se investir na qualificação e na melhoria da gestão, de modo a contribuir para tornar as OSCs mais profissionais.