Escola, família e assistência médica: três pilares para a garantia de inclusão e equidade educacional

30/04/2020
04 - Quality Education

Reflexões sobre o contexto atual de pandemia a dez anos de 2030

O ano de 2020 marca o quinto aniversário desde que os Estados-membros da ONU, entre eles os da América Latina, comprometeram-se com a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e, em particular, com seu Objetivo 4: educação inclusiva, equitativa e de qualidade para todas as pessoas. Ao mesmo tempo, a data nos lembra de que faltam apenas dez anos para se poder atingir as metas na Agenda.

O Escritório para a América Latina do Instituto Internacional de Planejamento Educacional (IIPE-Buenos Aires), como guardião do cumprimento das metas de 2030, organizou, em 29 de abril, uma reunião online para debater a relação entre escola, família e assistência médica para reduzir os efeitos que a pandemia da COVID-19 certamente terá sobre a equidade e a inclusão na educação. 

A discussão também abordou o papel fundamental do planejamento educacional na mitigação desses potenciais efeitos negativos, assim como a função da UNESCO diante dessa crise. Assim, foi pertinente e oportuno refletir sobre a importância do planejamento educacional em sua contribuição para a melhoria da educação de todas as pessoas, inclusive em contextos de crise como o que estamos enfrentamos atualmente. 

A reunião online também foi uma oportunidade para que os participantes conhecessem mais sobre o apoio que o UNESCO-IIPE oferece regularmente aos países da região da América Latina para o desenvolvimento de suas capacidades técnicas. Após o diálogo, houve uma sessão de perguntas e respostas com a equipe do UNESCO-IIPE, que permitiu que os interessados em participar de seus programas de formação realizassem consultas e conhecessem mais sobre o que o Instituto oferece.

A reunião teve a participação das colegas do Escritório da UNESCO no Brasil, Rebeca Otero Gomes, coordenadora do Setor de Educação, e Mariana Braga, oficial de programa de Educação para a Saúde, que refletiram sobre a centralidade que a equidade e a inclusão educacional adquirem no atual contexto da pandemia da COVID-19 para o cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 4 (ODS 4). 

O evento online foi moderado por Mariana Clucellas, do UNESCO-IIPE de Buenos Aires, e teve um total de 725 inscritos de países da América Latina, da África e da Europa (Portugal e França), e mais 200 pessoas em tempo real. Esta foi a quantidade mais elevada de participantes online (ao vivo) dos eventos organizados pelo Institulo. 

Saiba mais: