News

Seminário internacional realizado pela UNESCO, Itaú Cultural e UFRGS debate e traz ações ligadas à cultura e ao desenvolvimento sustentável

05/10/2021
17 - Partnerships for the Goals

Durante três dias, o encontro virtual realiza conferências, painéis, workshops e apresentações de trabalho sobre o tema com a participação de convidados de vários países

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), o Observatório Itaú Cultural, e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFGRS) realizam, de 6 a 8 de outubro (quarta-feira a sexta-feira), o Seminário Internacional Economia e Política da Cultura e Indústrias Criativas. A programação acontece virtualmente e discorre sobre cultura e desenvolvimento sustentável, indicadores, cidades criativas e indústrias emergentes, acompanhando as ações voltadas para 2021, instituído pela UNESCO como o Ano Internacional da Economia Criativa para o Desenvolvimento Sustentável. 

As atividades do seminário são transmitidas pelo site e pelo canal do Itaú Cultural no YouTube. As apresentações das pesquisas selecionadas em chamada aberta para participar da programação são transmitidas, por sua vez, pelo site da UFRGS

Reunindo convidados da Argentina, Brasil, Portugal, Quênia e Reino Unido, o seminário abre no dia 6 (quarta-feira), às 9h, com a conferência Cultura como Eixo Necessário do Desenvolvimento Sustentável da Retomada. Abordando o papel da cultura na retomada pós-pandemia, a partir do desenvolvimento sustentável, o debate tem participação de Ernesto Ottone, diretor-geral adjunto de cultura da UNESCO, Marlova Jovchelovitch Noleto, Diretora e Representante da UNESCO no Brasil, Eduardo Saron, diretor do Itaú Cultural, e André Cunha, professor titular da UFRGS. A mediação é de Jader Rosa, gerente do Observatório Itaú Cultural. 

A seguir, às 10h40, a mesa Panorama | Quais Indicadores são Necessários para Incluir a Cultura na Agenda Político Econômica? tem mediação de Leandro Valiati, também professor da UFRGS. Conversam sobre o tema Guiomar Alonso, conselheira regional para a cultura na África Ocidental pela Unesco, e Hasan Bakhshi, do Reino Unido e diretor do Centro de Evidência e Política das Indústrias Criativas. O tema é a importância do uso de indicadores para o setor da cultura, para dar base à formulação de políticas públicas. 
 

SERVIÇO:  

Seminário Internacional Economia e Política da Cultura e Indústrias Criativas
De 6 a 8 de outubro (quarta-feira a sexta-feira) 
Transmissão ao vivo pelo site e pelo canal do Itaú Cultural no YouTube:
www.itaucultural.org.br / www.youtube.com/itaucultural  

Apresentação de trabalhos das pesquisas selecionadas em chamada aberta.
Transmissão ao vivo pelo site da UFRGS: http://www.ufrgs.br/obec/neccult