Campaign

A UNESCO convida os professores da América Latina e do Caribe a responderem a uma pesquisa sobre seu trabalho durante a pandemia

02/06/2021
04 - Quality Education

O objetivo é aprender, com a voz dos professores da região, sobre a situação em que eles realizaram seu trabalho durante a pandemia, as inovações que fizeram e suas necessidades de apoio e treinamento a curto e médio prazo.

Quais foram os principais desafios enfrentados pelos professores durante a pandemia da COVID-19? Que ajustes metodológicos e curriculares eles fizeram? Quais são suas projeções de médio prazo no meio da incerteza? Estas são algumas das principais questões que a UNESCO quer esclarecer através da pesquisa que esta agência especializada das Nações Unidas está pedindo aos professores da América Latina e do Caribe que concluam.

A "Pesquisa de professores na América Latina e no Caribe sobre sua situação e necessidades de apoio no contexto da COVID-19" complementará as informações coletadas por outras pesquisas já realizadas e tem a particularidade de integrar a opinião dos professores de toda a região sobre o processo experimentado até o momento durante a pandemia e seus efeitos futuros.

A UNESCO espera que os resultados deste trabalho sejam úteis para a tomada de decisões a nível local, nacional e regional. Com base nos resultados, a Estratégia Regional para Professores da UNESCO será reorientada para promover apoio relevante e oportuno e programas de treinamento para trabalhadores da educação.

Por que esta pesquisa

No contexto da crise de saúde da COVID-19, a maioria dos países implementou estratégias de educação à distância. Essas políticas e as necessidades dos estudantes forçaram os professores a desenvolver novas estratégias de ensino e a se ajustar às exigências da educação à distância. Apesar das grandes dificuldades enfrentadas, eles encontraram maneiras de inovar, ajustar seu ensino e manter o vínculo com seus alunos, e também revelaram novas necessidades.

Estas novas questões de treinamento e apoio ao pessoal docente são de importância central. Para tanto, o Escritório Regional de Educação na América Latina e Caribe (OREALC/UNESCO Santiago), em colaboração com o Instituto de Tecnologias da Informação em Educação da UNESCO (UNESCO IITE), deseja aprofundar a dimensão pedagógica e curricular das transformações educacionais decorrentes da pandemia da COVID 19.

Com estas informações, a UNESCO gerará materiais e espaços de diálogo político para divulgar os resultados.

Perguntas, dúvidas: encuesta.docente@unesco.org

Ajude-nos a contribuir para a educação pós-pandêmica. Faça a pesquisa